Páginas

Os 4 elementos da paixão - Olga Savary

Fogo

Dar-me toda a este verão
urdideiro de rios, é ser
serpente de prata. Verão,
foi feita mais uma vítima.

Sou um ser marcado, natureza.
A tarde crava em meu magma
o selo de sua secreta pata.

(Por Yu Watase)

Ar

É da liberdade destes ventos
que me faço.

Pássaro-meu corpo
(máquina de viver),
bebe o mel feroz do ar
nunca o sossego.

(Por Yu Watase)
A Água

se enovela pelas pernas
em fio de vigor espiralado
sobre o ventre e alto das coxas.
O orgasmo é quem mede forças
sem ter ímpeto contra a água.

Terra,

em golfadas envolve-me toda,
apagando as marcas individuais,

devora-me até que eu
não respire mais.

(Extraído do livro Repertório Selvagem - Obra Poética Reunida, de Olga Savary)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails